Saúde - Após aumento de focos, Setor de Endemias faz chamamento para comunidade redobrar atenção contra mosquito da dengue. Leia

Última Hora - Viagem à Brasília garante mais de R$ 11 milhões de recursos para Maracaju.

Câmara Municipal - Vereador Nego do Povo visita bairros e consegue melhorias para comunidades do Bairro Porto Belo e Nova Cambaraí. Saiba mais

Última Hora - Maracaju: Em ação inédita, ‘IPTU Premiado 2019’ sorteará sete motocicletas e também uma casa mobiliada aos contribuintes. Saiba mais

Educação - Cadastro de Reserva de Vagas para a Educação Infantil e Ensino Fundamental nas Escolas da Rede Municipal de Ensino estão abertos a partir desta segunda-feira 21. Leia.

Rural em Foco - Senador Eleito Nelsinho Trad parabeniza organização do Showtec e destaca ter grandes expectativas na Ministra da Agricultura Tereza Cristina. Leia e assista.

Última Hora - Após agredir com socos no rosto e cortar cabelo de namorada, jovem é preso pela Polícia Militar em Maracaju.

Rural em Foco - Empresário e Produtor Rural Valdenir Portela destaca importância da difusão das tecnologias e pesquisas que aumentam a produtividade e fazem Maracaju ter o nome elevado no cenário nacional e internacional. Leia e assista.

Rural em Foco - Secretário de Fazenda e Administração Lenilso Carvalho destaca apoio do município ao Showtec 2019 e investimentos aos produtores rurais. Leia e assista.

Assembleia Legislativa - ‘Showtec consolida a Fundação MS na liderança das tecnologias de produção’ destaca Paulo Corrêa. Leia e assista.

Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio
Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio

Em MS, 50% dos adolescentes acompanhados pelo SUS se alimentam mal

18 de outubro de 2018 - 08:03 | Saúde

Maracaju em Foco - Notícias - Em MS, 50% dos adolescentes acompanhados pelo SUS se alimentam mal

Mais da metade dos adolescentes de Mato Grosso do Sul, acompanhados pela atenção básica do Sistema Único de Saúde (SUS), se alimentam mal. É o que apontam os dados do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional (Sisvan), referentes a 2017, divulgados ontem pelo Ministério da Saúde.

Conforme o Sisvan, 50% dos adolescentes consumiram produtos industrializados regularmente no ano passado, como macarrão instantâneo, salgadinho de pacote ou biscoito salgado. Além disso, 37% desses jovens ingeriram hambúrguer ou embutidos e 33%, biscoitos recheados, doces ou guloseimas. 

Os meninos são os que mais se alimentam mal. Produtos industrializados, por exemplo, são consumido por 61% das meninas, enquanto os adolescentes representam 69%. O consumo de alimentos fast food  é de 34% dos jovens do sexo masculino e 41% do feminino. Já os alimentos doces recheados, são preferência de 32% deles e 43% delas.

Para o coordenador-substituto de Alimentação e Nutrição do Ministério da Saúde, Eduardo Nilson, os jovens precisam se atentar mais à alimentação adequada. “Dados revelam que adolescentes com obesidade aos 19 anos têm 89% de chance de ser obeso aos 35 anos, por isso é necessário investir na promoção de uma alimentação adequada e saudável, especialmente na infância e na adolescência, tendo em vista a relação de práticas alimentares inadequadas com o aumento da obesidade na população.”

Os maus hábitos à mesa têm refletido na saúde e no excesso de peso dos adolescentes, no Brasil. Números da Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (PENSE) trouxeram que 7,8% dos adolescentes das escolas entre 13 e 17 anos estão obesos, sendo maior entre os meninos (8,3%) do que nas meninas (7,3%). O Sisvan revela que 8,2% dos adolescentes (10 a 19 anos) atendidos na Atenção Básica em 2017 são obesos.

Fonte: Correio Do Estado 

 


Array ( [Novidade] => Array ( [id] => 29380 [user_id] => 27 [titulo] => Em MS, 50% dos adolescentes acompanhados pelo SUS se alimentam mal [texto] =>

Mais da metade dos adolescentes de Mato Grosso do Sul, acompanhados pela atenção básica do Sistema Único de Saúde (SUS), se alimentam mal. É o que apontam os dados do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional (Sisvan), referentes a 2017, divulgados ontem pelo Ministério da Saúde.

Conforme o Sisvan, 50% dos adolescentes consumiram produtos industrializados regularmente no ano passado, como macarrão instantâneo, salgadinho de pacote ou biscoito salgado. Além disso, 37% desses jovens ingeriram hambúrguer ou embutidos e 33%, biscoitos recheados, doces ou guloseimas. 

Os meninos são os que mais se alimentam mal. Produtos industrializados, por exemplo, são consumido por 61% das meninas, enquanto os adolescentes representam 69%. O consumo de alimentos fast food  é de 34% dos jovens do sexo masculino e 41% do feminino. Já os alimentos doces recheados, são preferência de 32% deles e 43% delas.

Para o coordenador-substituto de Alimentação e Nutrição do Ministério da Saúde, Eduardo Nilson, os jovens precisam se atentar mais à alimentação adequada. “Dados revelam que adolescentes com obesidade aos 19 anos têm 89% de chance de ser obeso aos 35 anos, por isso é necessário investir na promoção de uma alimentação adequada e saudável, especialmente na infância e na adolescência, tendo em vista a relação de práticas alimentares inadequadas com o aumento da obesidade na população.”

Os maus hábitos à mesa têm refletido na saúde e no excesso de peso dos adolescentes, no Brasil. Números da Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (PENSE) trouxeram que 7,8% dos adolescentes das escolas entre 13 e 17 anos estão obesos, sendo maior entre os meninos (8,3%) do que nas meninas (7,3%). O Sisvan revela que 8,2% dos adolescentes (10 a 19 anos) atendidos na Atenção Básica em 2017 são obesos.

Fonte: Correio Do Estado 

 

[imagem] => ffabae948268a62229a7f05db7d666f0.jpg [url] => em-ms-50-dos-adolescentes-acompanhados-pelo-sus-se-alimentam-mal [visualizacoes] => 100 [created] => 18 de outubro de 2018 - 08:03 [destaque] => [scroll] => [categoria_id] => 27 ) [User] => Array ( [id] => 27 [fullname] => Caroline Gabriel [email] => [active] => 1 [role] => adm ) [Categoria] => Array ( [id] => 27 [nome] => Saúde [url] => saude [prioridade] => 4 ) [Noticiagaleria] => Array ( ) [Video] => Array ( ) ) 1
Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio