Reinaldo diz que pretende conceder reajuste de 25% aos professores

13 de janeiro de 2015 - 18:00 | Política

Maracaju em Foco - Notícias - Reinaldo diz que pretende conceder reajuste de 25% aos professores

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) declarou na tarde desta segunda-feira (12) durante visita ao Hospital Regional Rosa Pedrossian, na Capital, que pretende estudar alternativas para conceder o reajuste salarial aos professores da Rede Estadual de ensino. Segundo Azambuja, ele fará o possível para conceder o reajuste, mas o aumento de 25% nos salários dos docentes depende da disponibilidade financeira do Estado.

Reinaldo disse que pretende sentar nos próximos dias com a categoria para discutir a viabilidade do reajuste estimado em 25,42%, válido a partir de janeiro. Segundo ele, é necessário analisar o quando isso irá impactar diretamente nos cofres do governo e de que maneira será possível ser concedido.

"A minha vontade é conceder o reajuste. E eu sempre disse que uma das formas de melhorar a educação é valorizar os profissionais e é questão de prioridade, mas temos que ver como iremos fazer isso", disse.

Azambuja voltou a criticar o seu antecessor André Puccinelli (PMDB) em decorrência da concessão do reajuste através da lei sancionada em dezembro de 2013. “É muito fácil fazer lei e sair de bonzinho e jogar para o próximo governo pagar. Agora teremos que ver a viabilidade de cumprir este e outros dividendos que estão no pacote de bondades dele (André)”, ponderou.

Conforme dados da Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul), em Mato Grosso do Sul são 20 mil professores e 366 escolas. O piso salarial profissional nacional do magistério público é de R$ 1.917,78 – levado em conta o reajuste feito neste ano.

Fonte: Campo Grande News

Michel Faustino


Array ( [Novidade] => Array ( [id] => 33 [user_id] => 23 [titulo] => Reinaldo diz que pretende conceder reajuste de 25% aos professores [texto] =>

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) declarou na tarde desta segunda-feira (12) durante visita ao Hospital Regional Rosa Pedrossian, na Capital, que pretende estudar alternativas para conceder o reajuste salarial aos professores da Rede Estadual de ensino. Segundo Azambuja, ele fará o possível para conceder o reajuste, mas o aumento de 25% nos salários dos docentes depende da disponibilidade financeira do Estado.

Reinaldo disse que pretende sentar nos próximos dias com a categoria para discutir a viabilidade do reajuste estimado em 25,42%, válido a partir de janeiro. Segundo ele, é necessário analisar o quando isso irá impactar diretamente nos cofres do governo e de que maneira será possível ser concedido.

"A minha vontade é conceder o reajuste. E eu sempre disse que uma das formas de melhorar a educação é valorizar os profissionais e é questão de prioridade, mas temos que ver como iremos fazer isso", disse.

Azambuja voltou a criticar o seu antecessor André Puccinelli (PMDB) em decorrência da concessão do reajuste através da lei sancionada em dezembro de 2013. “É muito fácil fazer lei e sair de bonzinho e jogar para o próximo governo pagar. Agora teremos que ver a viabilidade de cumprir este e outros dividendos que estão no pacote de bondades dele (André)”, ponderou.

Conforme dados da Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul), em Mato Grosso do Sul são 20 mil professores e 366 escolas. O piso salarial profissional nacional do magistério público é de R$ 1.917,78 – levado em conta o reajuste feito neste ano.

Fonte: Campo Grande News

Michel Faustino

[imagem] => Maracaju-em-focofce90573b8bfc42f6a845bbec1896b5b.jpg [url] => reinaldo-diz-que-pretende-conceder-reajuste-de-25-aos-professores [visualizacoes] => 75 [created] => 13 de janeiro de 2015 - 18:00 [destaque] => [scroll] => [categoria_id] => 16 ) [User] => Array ( [id] => 23 [fullname] => Ben Hur Salomão Teixeira [active] => 1 [role] => adm ) [Categoria] => Array ( [id] => 16 [nome] => Política [url] => politica [prioridade] => 1 ) [Noticiagaleria] => Array ( ) [Video] => Array ( ) ) 1
Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio