Reinaldo marca reunião para discutir reajuste de 25% aos professores

14 de janeiro de 2015 - 18:15 | Política

Maracaju em Foco - Notícias - Reinaldo marca reunião para discutir reajuste de 25% aos professores

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) se reúne amanhã, às 8h, com a diretoria da Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul) para discutir o reajuste nos salários dos professores. Pela lei aprovada em dezembro de 2013, eles têm direito a 25,42% de reajuste, considerando-se o novo piso nacional do magistério.

A reunião foi convocada pela secretária estadual de Educação, Maria Cecília Amendola da Mota, e vai acontecer na Governadoria. Segundo o presidente da Fetems, Roberto Magno Botarelli, os professores só querem o cumprimento da lei.

Pela legislação em vigor, o piso dos 17 mil estudantes da rede estadual será pago para a jornada de 20 horas até 2018. Neste mês, data base da categoria, eles passam a receber 77% dos R$ 1.917 para a jornada de 20h.

Como o reajuste no piso nacional foi de 13%, com o valor oscilando de R$ 1.697 para R$ 1.913, o impacto na folha de pagamento do Governo estadual será de R$ 12 milhões por mês. Reinaldo garantiu que tem interesse em pagar o reajuste previsto na lei, mas dependerá da situação financeira do Estado.

Fonte: Campo Grande News

Foto: Divulgação

Edivaldo Bitencourt


Array ( [Novidade] => Array ( [id] => 42 [user_id] => 23 [titulo] => Reinaldo marca reunião para discutir reajuste de 25% aos professores [texto] =>

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) se reúne amanhã, às 8h, com a diretoria da Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul) para discutir o reajuste nos salários dos professores. Pela lei aprovada em dezembro de 2013, eles têm direito a 25,42% de reajuste, considerando-se o novo piso nacional do magistério.

A reunião foi convocada pela secretária estadual de Educação, Maria Cecília Amendola da Mota, e vai acontecer na Governadoria. Segundo o presidente da Fetems, Roberto Magno Botarelli, os professores só querem o cumprimento da lei.

Pela legislação em vigor, o piso dos 17 mil estudantes da rede estadual será pago para a jornada de 20 horas até 2018. Neste mês, data base da categoria, eles passam a receber 77% dos R$ 1.917 para a jornada de 20h.

Como o reajuste no piso nacional foi de 13%, com o valor oscilando de R$ 1.697 para R$ 1.913, o impacto na folha de pagamento do Governo estadual será de R$ 12 milhões por mês. Reinaldo garantiu que tem interesse em pagar o reajuste previsto na lei, mas dependerá da situação financeira do Estado.

Fonte: Campo Grande News

Foto: Divulgação

Edivaldo Bitencourt

[imagem] => Maracaju-em-foco0fd6f440653adaf7f901e95b794e40d1.jpg [url] => reinaldo-marca-reuniao-para-discutir-reajuste-de-25-aos-professores [visualizacoes] => 227 [created] => 14 de janeiro de 2015 - 18:15 [destaque] => 1 [scroll] => [categoria_id] => 16 ) [User] => Array ( [id] => 23 [fullname] => Ben Hur Salomão Teixeira [active] => 1 [role] => adm ) [Categoria] => Array ( [id] => 16 [nome] => Política [url] => politica [prioridade] => 1 ) [Noticiagaleria] => Array ( ) [Video] => Array ( ) ) 1
Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio