Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio
Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio

Sucesso em Maracaju de 1999 a 2001, Banda Máfia Russa marca retorno e fará evento beneficente em Maracaju.

13 de julho de 2018 - 08:51 | Entretenimento

Maracaju em Foco - Notícias - Sucesso em Maracaju de 1999 a 2001, Banda Máfia Russa marca retorno e fará evento beneficente em Maracaju.

Maracaju em Foco entrevista com exclusividade dois integrantes da Banda Máfia Russa e divulga reportagem neste 13 de Julho Dia Mundial do Rock.

Redação

Para os amantes do pop/rock uma boa novidade foi divulgada ao “Maracaju em Foco” no final da tarde desta quinta-feira 13-07, após 16 anos de intervalo nos palcos, com um misto da formação original e de novos talentos a Banda Máfia Russa estará de volta aos palcos em uma reestreia solidária e com gosto de saudade.

A reportagem conversou com dois integrantes Pedro Pessato e Odilon Mendes que, também fizeram parte da formação original e relataram sobre o retorno da Banda Máfia Russa, salientando que talvez o trabalho com a mesma nunca foi suspenso, porém, desde o ano passado os ensaios retornaram com mais força visando um preparo maior para assumir os palcos e tocar para os maracajuenses.

A Banda Máfia Russa fará um show de retorno com foco na beneficência, sendo que, o local e horário já estão agendados, será na Fraternidade Feminina Cruzeiro do Sul, localizada na Rua Appa, em frente ao Cartório Eleitoral, com ingressos vendidos a R$ 20,00 (Vinte reais), sendo os recursos destinados aos trabalhos da Fraternidade Feminina no município.

Maracaju em Foco: Relate um pouco sobre a Banda Máfia Russa e qual o motivo do retorno após esse intervalo de mais de 16 anos sem tocar.

Pedro Pessato: Tocamos de 1999 a 2001 e ficamos parados por esses anos, porém, sempre mantendo os laços de amizade e convivência, somos colegas de trabalho e amigos em comum e em uma confraternização de final de ano, pediram para tocar um violão, tocamos e naquele momento surgiu a ideia de retornarmos a tocar. Retornamos por uma questão de resgatar uma parte de nossa história que ficou interrompida.

Odilon Mendes: Claro, não deixa de ser uma atividade que nos tira da rotina e do stress do dia a dia, atrelado a um pouco de lazer e também pois o rock necessita, já que atualmente não temos em nossa cidade.

Pedro Pessato: Naquela época não se falava nada além de sertanejo aqui em Maracaju, era algo muito forte, saímos do nada, tocando rock e reunimos uma grande galera que era insatisfeita na época, não excitava música sertaneja, mas, também era carente de outras opções. Lembro-me que fomos tocar em Bonito e, uma grande caravana saiu de Maracaju, para assistir a Banda Máfia Russa também foram de nossa cidade.

Odilon Mendes: Naquela época o Máfia Russa virou um verdadeiro movimento, já que tinha uma turma grande que se reunia para ouvir rock, participava dos ensaios. Tocamos por três anos, foi um bom tempo e que com isso gerou um público que nos acompanhava e conheceu um pouco mais do pop/rock.

Pedro Pessato: Através do Máfia Russa e do movimento que foi gerado naquela época, outras bandas surgiram naquele tempo e também posteriormente, mas, o que notamos atualmente que esse movimento foi caindo e as pessoas foram parando de tocar rock e agora observamos que está retornando aquele período de 1999.

Maracaju em Foco: O rock sempre atingiu uma faixa etária da juventude que, preferia ouvir o rock a outros gêneros, vocês acreditam que isso caiu um pouco na atualidade?

Odilon Mendes: Acredito que não, nós somos os jovens daquela época, não somos mais tão jovens, porém, continuamos com a mesma mentalidade e faltou um pouco de estímulo para as pessoas continuarem aderindo a esse movimento de rock, como, por exemplo, espaço legal para tocar.

Pedro Pessato: Naquela época o movimento foi tão forte que começamos a tocar em 1999 e já no ano de 2001, nós tocamos no show de aniversário da cidade no dia 11 de junho, dentro da programação da Exposição, onde nos dias atuais, tocam as duplas de grande sucesso do país.

Maracaju em Foco: O rock se divide entre diversos gêneros, desde o mais pesado até o mais pop. Para quem não conhece o Máfia Russa, qual o gênero que vocês mais se aproximam?

Pedro Pessato: O rock se confunde bastante com coisa pesada, som pesado, inaudível, atualmente nosso repertório é 100% rock nacional e nosso retorno marcará diversas músicas que sabemos que estão no gosto das pessoas, bem como vamos querer ouvir o que as pessoas também querem ouvir, trazendo ao nosso repertório, mas, as clássicas são sempre ouvidas e isso não tem erro.

Odilon Mendes: Também temos músicas autorais, o Máfia Russa sempre produziu também textos próprios que seguem a mesma linha do rock nacional.

Maracaju em Foco: Está sendo organizado um evento que marcará o retorno da Banda Máfia Russa e que também tem fins beneficentes, gostaríamos que relatassem ao nosso público sobre esse evento e seus objetivos.

Odilon Mendes: Trata-se de uma via de mão dupla, juntamos nossa vontade de voltar a tocar com a beneficência e a Fraternidade Feminina sempre realiza eventos com esses objetivos, trabalho natural da maçonaria, fazendo promoções para auxiliar as entidades que necessitam.  Já estávamos em um ritmo legal de ensaios e recebemos esse convite, fruto de uma ideia e vamos prestar um serviço para a Fraternidade que já presta um excelente serviço em nossa comunidade.

Pedro Pessato: Todo o show é beneficente, não há cobrança por parte da banda e o objetivo é arrecadar para os trabalhos da Fraternidade e como o local é pequeno, visando o conforto do público e também questão de segurança, os convites são limitados e por ser o retorno estamos nos preparando para fazer um excelente show, bem elaborado e que o público irá apreciar por cerca de 2 horas.

Os integrantes da Banda Máfia Russa relataram ainda que aguardam um público formado de pessoas que ouviram a banda nos anos 1999 a 2001, bem como, atrair o público também mais jovem, fã de rock e que até então acreditava que na cidade de Maracaju, não teria existido uma banda direcionada para este gênero musical.

Os mesmos ainda relatam que a ideia do evento é fazer com que todos conheçam as músicas que estão sendo tocadas, ou seja, repertório totalmente nacional e com músicas populares do rock/pop que vão de Legião Urbana, Titãs, Capital Inicial e algumas autorais como “Europa”, em uma versão repaginada e mais moderna, entre outros grandes artistas nacionais.

O evento será realizado no próximo dia 28-07 (sábado) na Fraternidade Feminina Cruzeiro do Sul, localizada em frente ao Cartório Eleitoral, com ingressos vendidos a R$ 20,00 (Vinte reais) e revertidos aos trabalhos da beneficência, sendo que, haverá comercialização de bebidas e salgados no local.

Banda Máfia Russa

Integrantes: Odilon Mendes (Vocal e Guitarra); Evandro Machado (Guitarra), Pedro Pessato (Baixo) e Marcos Uzun (Bateria)

Gênero: Pop/Rock Nacional

Reportagem: Ben Hur Salomão Teixeira - DRT/MS 0001391
                      Gessica Souza - DRT/MS 0001526

Foto: Divulgação

Maracaju em Foco

O site de notícias que mais cresce em Maracaju!



Array ( [Novidade] => Array ( [id] => 27302 [user_id] => 23 [titulo] => Sucesso em Maracaju de 1999 a 2001, Banda Máfia Russa marca retorno e fará evento beneficente em Maracaju. [texto] =>

Maracaju em Foco entrevista com exclusividade dois integrantes da Banda Máfia Russa e divulga reportagem neste 13 de Julho Dia Mundial do Rock.

Redação

Para os amantes do pop/rock uma boa novidade foi divulgada ao “Maracaju em Foco” no final da tarde desta quinta-feira 13-07, após 16 anos de intervalo nos palcos, com um misto da formação original e de novos talentos a Banda Máfia Russa estará de volta aos palcos em uma reestreia solidária e com gosto de saudade.

A reportagem conversou com dois integrantes Pedro Pessato e Odilon Mendes que, também fizeram parte da formação original e relataram sobre o retorno da Banda Máfia Russa, salientando que talvez o trabalho com a mesma nunca foi suspenso, porém, desde o ano passado os ensaios retornaram com mais força visando um preparo maior para assumir os palcos e tocar para os maracajuenses.

A Banda Máfia Russa fará um show de retorno com foco na beneficência, sendo que, o local e horário já estão agendados, será na Fraternidade Feminina Cruzeiro do Sul, localizada na Rua Appa, em frente ao Cartório Eleitoral, com ingressos vendidos a R$ 20,00 (Vinte reais), sendo os recursos destinados aos trabalhos da Fraternidade Feminina no município.

Maracaju em Foco: Relate um pouco sobre a Banda Máfia Russa e qual o motivo do retorno após esse intervalo de mais de 16 anos sem tocar.

Pedro Pessato: Tocamos de 1999 a 2001 e ficamos parados por esses anos, porém, sempre mantendo os laços de amizade e convivência, somos colegas de trabalho e amigos em comum e em uma confraternização de final de ano, pediram para tocar um violão, tocamos e naquele momento surgiu a ideia de retornarmos a tocar. Retornamos por uma questão de resgatar uma parte de nossa história que ficou interrompida.

Odilon Mendes: Claro, não deixa de ser uma atividade que nos tira da rotina e do stress do dia a dia, atrelado a um pouco de lazer e também pois o rock necessita, já que atualmente não temos em nossa cidade.

Pedro Pessato: Naquela época não se falava nada além de sertanejo aqui em Maracaju, era algo muito forte, saímos do nada, tocando rock e reunimos uma grande galera que era insatisfeita na época, não excitava música sertaneja, mas, também era carente de outras opções. Lembro-me que fomos tocar em Bonito e, uma grande caravana saiu de Maracaju, para assistir a Banda Máfia Russa também foram de nossa cidade.

Odilon Mendes: Naquela época o Máfia Russa virou um verdadeiro movimento, já que tinha uma turma grande que se reunia para ouvir rock, participava dos ensaios. Tocamos por três anos, foi um bom tempo e que com isso gerou um público que nos acompanhava e conheceu um pouco mais do pop/rock.

Pedro Pessato: Através do Máfia Russa e do movimento que foi gerado naquela época, outras bandas surgiram naquele tempo e também posteriormente, mas, o que notamos atualmente que esse movimento foi caindo e as pessoas foram parando de tocar rock e agora observamos que está retornando aquele período de 1999.

Maracaju em Foco: O rock sempre atingiu uma faixa etária da juventude que, preferia ouvir o rock a outros gêneros, vocês acreditam que isso caiu um pouco na atualidade?

Odilon Mendes: Acredito que não, nós somos os jovens daquela época, não somos mais tão jovens, porém, continuamos com a mesma mentalidade e faltou um pouco de estímulo para as pessoas continuarem aderindo a esse movimento de rock, como, por exemplo, espaço legal para tocar.

Pedro Pessato: Naquela época o movimento foi tão forte que começamos a tocar em 1999 e já no ano de 2001, nós tocamos no show de aniversário da cidade no dia 11 de junho, dentro da programação da Exposição, onde nos dias atuais, tocam as duplas de grande sucesso do país.

Maracaju em Foco: O rock se divide entre diversos gêneros, desde o mais pesado até o mais pop. Para quem não conhece o Máfia Russa, qual o gênero que vocês mais se aproximam?

Pedro Pessato: O rock se confunde bastante com coisa pesada, som pesado, inaudível, atualmente nosso repertório é 100% rock nacional e nosso retorno marcará diversas músicas que sabemos que estão no gosto das pessoas, bem como vamos querer ouvir o que as pessoas também querem ouvir, trazendo ao nosso repertório, mas, as clássicas são sempre ouvidas e isso não tem erro.

Odilon Mendes: Também temos músicas autorais, o Máfia Russa sempre produziu também textos próprios que seguem a mesma linha do rock nacional.

Maracaju em Foco: Está sendo organizado um evento que marcará o retorno da Banda Máfia Russa e que também tem fins beneficentes, gostaríamos que relatassem ao nosso público sobre esse evento e seus objetivos.

Odilon Mendes: Trata-se de uma via de mão dupla, juntamos nossa vontade de voltar a tocar com a beneficência e a Fraternidade Feminina sempre realiza eventos com esses objetivos, trabalho natural da maçonaria, fazendo promoções para auxiliar as entidades que necessitam.  Já estávamos em um ritmo legal de ensaios e recebemos esse convite, fruto de uma ideia e vamos prestar um serviço para a Fraternidade que já presta um excelente serviço em nossa comunidade.

Pedro Pessato: Todo o show é beneficente, não há cobrança por parte da banda e o objetivo é arrecadar para os trabalhos da Fraternidade e como o local é pequeno, visando o conforto do público e também questão de segurança, os convites são limitados e por ser o retorno estamos nos preparando para fazer um excelente show, bem elaborado e que o público irá apreciar por cerca de 2 horas.

Os integrantes da Banda Máfia Russa relataram ainda que aguardam um público formado de pessoas que ouviram a banda nos anos 1999 a 2001, bem como, atrair o público também mais jovem, fã de rock e que até então acreditava que na cidade de Maracaju, não teria existido uma banda direcionada para este gênero musical.

Os mesmos ainda relatam que a ideia do evento é fazer com que todos conheçam as músicas que estão sendo tocadas, ou seja, repertório totalmente nacional e com músicas populares do rock/pop que vão de Legião Urbana, Titãs, Capital Inicial e algumas autorais como “Europa”, em uma versão repaginada e mais moderna, entre outros grandes artistas nacionais.

O evento será realizado no próximo dia 28-07 (sábado) na Fraternidade Feminina Cruzeiro do Sul, localizada em frente ao Cartório Eleitoral, com ingressos vendidos a R$ 20,00 (Vinte reais) e revertidos aos trabalhos da beneficência, sendo que, haverá comercialização de bebidas e salgados no local.

Banda Máfia Russa

Integrantes: Odilon Mendes (Vocal e Guitarra); Evandro Machado (Guitarra), Pedro Pessato (Baixo) e Marcos Uzun (Bateria)

Gênero: Pop/Rock Nacional

Reportagem: Ben Hur Salomão Teixeira - DRT/MS 0001391
                      Gessica Souza - DRT/MS 0001526

Foto: Divulgação

Maracaju em Foco

O site de notícias que mais cresce em Maracaju!

[imagem] => 3dfae3e45b7f12debf87abc41fd38670.jpg [url] => sucesso-em-maracaju-de-1999-a-2001-banda-mafia-russa-marca-retorno-e-fara-evento-beneficente-em-maracaju [visualizacoes] => 1000 [created] => 13 de julho de 2018 - 08:51 [destaque] => 1 [scroll] => 1 [categoria_id] => 10 ) [User] => Array ( [id] => 23 [fullname] => Ben Hur Salomão Teixeira [active] => 1 [role] => adm ) [Categoria] => Array ( [id] => 10 [nome] => Entretenimento [url] => entretenimento [prioridade] => 4 ) [Noticiagaleria] => Array ( ) [Video] => Array ( [0] => Array ( [id] => 871 [type] => [titulo] => [link] => ZJpbDCS6aIs [user_id] => 23 [novidade_id] => 27302 [created] => 2018-07-13 08:51:44 ) ) ) 1
Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio