Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio
Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio

Thiago Tamiozzo: Principais diferenças entre as tecnologias empregadas na distribuição de internet residencial.

30 de julho de 2018 - 11:11 | Colunista em Foco

Maracaju em Foco - Notícias - Thiago Tamiozzo: Principais diferenças entre as tecnologias empregadas na distribuição de internet residencial.

Com o advento da internet, surgiram com o tempo várias vertentes de tecnologia tentando suprir as demandas crescentes e inimagináveis, dentre elas, várias que utilizamos até hoje.

Podemos citar as principais e mais utilizadas no Brasil, sendo elas:

- Wireless PTMP(comumente conhecida como internet via rádio)

- ADSL(e suas evoluções, ADSL2, ADSL2+)

- FTTH (comumente conhecida como internet de fibra optica)

Cada uma dessas tecnologias foi importantíssima para a inclusão digital e a disseminação da informação como vemos hoje, porém, cada uma delas tem suas particularidades e capacidades que serão melhor detalhadas a seguir:

Wireless PTMP(Via rádio)

A conexão é feita através de ondas de rádio, provedores de pequeno porte em sua maioria utilizam as faixas de 2.4Ghz e 5Ghz. Trabalhando com os padrões IEEE 802.11, esse tipo de conexão vem melhorando seus padrões com o decorrer dos anos, saindo de 1999 com um máximo de 11Mbits nominais e chegando no último padrão utilizado hoje de 2013 que chega até 860Mbits nominais.

Seus principais problemas são a interferência advinda de outros equipamentos, visto que, os provedores trabalham em uma frequência aberta, qualquer pessoa pode ativar um rádio com a mesma frequência do provedor e assim então atrapalhar a conexão de diversos assinantes... Outro problema importante é a necessidade de visada física para permitir uma conexão estável.

ADSL

No padrão ADSL a comunicação de dados para internet é feita via linha telefônica. Isso só é possível pois a comunicação da voz e de dados ocorre por frequências diferentes dentro do mesmo cabo, por isso é comum encontrar em casa que utilizam a linha telefônica e internet o filtro de linha, pois ele separa os canais, deixando que não interfiram na ligação.

Os padrões conforme avançaram saíram de no máximo 8Mbits até os 52Mbits no VDSL, que em cidades de pequeno porte como a nossa foram pouco ou nunca utilizados.

Seus principais problemas são a necessidade de proximidade com a central, pois quanto mais longe, menor a quantidade de internet que o usuário poderia utilizar, também existe uma questão de assimetria, fazendo com que o UPLOAD fosse muito menor que o DOWNLOAD, antigamente isso não era um problema visto que a maioria dos usuários utilizava a internet para acessar conteúdos e não enviá-los... Mas nos dias de hoje com os envios de vídeos, lives e outros tantos tipos de conexão, o upload se tornou extremamente necessário.

FTTH(Fibra óptica)

No padrão FTTH a comunicação é feita através da luz. Os sinais de internet são convertidos em luz e transmitidos através da fibra de vidro que se encontra dentro do cabo (a fibra em si é praticamente tão fina quanto um fio de cabelo). Como a energia, a luz também possui várias frequências, algumas delas visíveis ao olho humano e outras não (POR ISSO É MUITO IMPORTANTE QUE AS PESSOAS NÃO TENTEM ENCHERGAR A LUZ NO CABO DE FIBRA OPTICA, HÁ UM GRANDE RISCO DE SE QUEIMAR A RETINA). Tendo isso em vista, no cabo de fibra óptica existe a possibilidade de transportar vários tipos de dados em velocidades altíssimas ao mesmo tempo. Hoje é comum ver cabos de fibra optica transportando velocidades de 10Gbits e existem tecnologias sendo estudadas o tempo todo que estão muito além dessa capacidade.

Dentre suas vantagens estão a alta velocidade e disponibilidade do serviço, a confiabilidade dos dados recebidos e a ausência de interferências externas, visto que a luz é transmitida através de um núcleo onde há ausência completa da luz externa.

Já nas suas desvantagens, existe o problema da fragilidade, sabendo que a fibra de vidro é sensível deve se ter muito cuidado ao trabalhar com ela para obter o desempenho adequado, também há o problema do alto custo envolvido para sua implantação e manutenção, tornando os procedimentos de atendimento muitas vezes inviáveis para algumas localidades.

Colunista Thiago Tamiozzo

Celerium Telecomunicações

(67) 99622-6490

(67) 3454-4025


Array ( [Novidade] => Array ( [id] => 27680 [user_id] => 23 [titulo] => Thiago Tamiozzo: Principais diferenças entre as tecnologias empregadas na distribuição de internet residencial. [texto] =>

Com o advento da internet, surgiram com o tempo várias vertentes de tecnologia tentando suprir as demandas crescentes e inimagináveis, dentre elas, várias que utilizamos até hoje.

Podemos citar as principais e mais utilizadas no Brasil, sendo elas:

- Wireless PTMP(comumente conhecida como internet via rádio)

- ADSL(e suas evoluções, ADSL2, ADSL2+)

- FTTH (comumente conhecida como internet de fibra optica)

Cada uma dessas tecnologias foi importantíssima para a inclusão digital e a disseminação da informação como vemos hoje, porém, cada uma delas tem suas particularidades e capacidades que serão melhor detalhadas a seguir:

Wireless PTMP(Via rádio)

A conexão é feita através de ondas de rádio, provedores de pequeno porte em sua maioria utilizam as faixas de 2.4Ghz e 5Ghz. Trabalhando com os padrões IEEE 802.11, esse tipo de conexão vem melhorando seus padrões com o decorrer dos anos, saindo de 1999 com um máximo de 11Mbits nominais e chegando no último padrão utilizado hoje de 2013 que chega até 860Mbits nominais.

Seus principais problemas são a interferência advinda de outros equipamentos, visto que, os provedores trabalham em uma frequência aberta, qualquer pessoa pode ativar um rádio com a mesma frequência do provedor e assim então atrapalhar a conexão de diversos assinantes... Outro problema importante é a necessidade de visada física para permitir uma conexão estável.

ADSL

No padrão ADSL a comunicação de dados para internet é feita via linha telefônica. Isso só é possível pois a comunicação da voz e de dados ocorre por frequências diferentes dentro do mesmo cabo, por isso é comum encontrar em casa que utilizam a linha telefônica e internet o filtro de linha, pois ele separa os canais, deixando que não interfiram na ligação.

Os padrões conforme avançaram saíram de no máximo 8Mbits até os 52Mbits no VDSL, que em cidades de pequeno porte como a nossa foram pouco ou nunca utilizados.

Seus principais problemas são a necessidade de proximidade com a central, pois quanto mais longe, menor a quantidade de internet que o usuário poderia utilizar, também existe uma questão de assimetria, fazendo com que o UPLOAD fosse muito menor que o DOWNLOAD, antigamente isso não era um problema visto que a maioria dos usuários utilizava a internet para acessar conteúdos e não enviá-los... Mas nos dias de hoje com os envios de vídeos, lives e outros tantos tipos de conexão, o upload se tornou extremamente necessário.

FTTH(Fibra óptica)

No padrão FTTH a comunicação é feita através da luz. Os sinais de internet são convertidos em luz e transmitidos através da fibra de vidro que se encontra dentro do cabo (a fibra em si é praticamente tão fina quanto um fio de cabelo). Como a energia, a luz também possui várias frequências, algumas delas visíveis ao olho humano e outras não (POR ISSO É MUITO IMPORTANTE QUE AS PESSOAS NÃO TENTEM ENCHERGAR A LUZ NO CABO DE FIBRA OPTICA, HÁ UM GRANDE RISCO DE SE QUEIMAR A RETINA). Tendo isso em vista, no cabo de fibra óptica existe a possibilidade de transportar vários tipos de dados em velocidades altíssimas ao mesmo tempo. Hoje é comum ver cabos de fibra optica transportando velocidades de 10Gbits e existem tecnologias sendo estudadas o tempo todo que estão muito além dessa capacidade.

Dentre suas vantagens estão a alta velocidade e disponibilidade do serviço, a confiabilidade dos dados recebidos e a ausência de interferências externas, visto que a luz é transmitida através de um núcleo onde há ausência completa da luz externa.

Já nas suas desvantagens, existe o problema da fragilidade, sabendo que a fibra de vidro é sensível deve se ter muito cuidado ao trabalhar com ela para obter o desempenho adequado, também há o problema do alto custo envolvido para sua implantação e manutenção, tornando os procedimentos de atendimento muitas vezes inviáveis para algumas localidades.

Colunista Thiago Tamiozzo

Celerium Telecomunicações

(67) 99622-6490

(67) 3454-4025

[imagem] => 138f444d06ed5262c5727cfb68f9ec72.jpg [url] => thiago-tamiozzo-principais-diferencas-entre-as-tecnologias-empregadas-na-distribuicao-de-internet-residencial [visualizacoes] => 1100 [created] => 30 de julho de 2018 - 11:11 [destaque] => 1 [scroll] => 1 [categoria_id] => 9 ) [User] => Array ( [id] => 23 [fullname] => Ben Hur Salomão Teixeira [active] => 1 [role] => adm ) [Categoria] => Array ( [id] => 9 [nome] => Colunista em Foco [url] => colunista-em-foco [prioridade] => 1 ) [Noticiagaleria] => Array ( ) [Video] => Array ( ) ) 1
Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio