Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio
Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio

Assistente Social Elis Marina: O Papel do Assistente Social na APAE - Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais.

31 de May de 2019 - 04:52 | Colunista em Foco

Maracaju em Foco - Notícias - Assistente Social Elis Marina: O Papel do Assistente Social na APAE - Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais.

A atuação do Assistente Social na APAE de Maracaju-MS está voltado ao atendimento às pessoas com deficiência intelectual e múltipla e suas famílias, com abordagem nas áreas da Assistência Social, Educação e Saúde; a fim de contribuir para o acesso aos programas, projetos e demais políticas públicas existentes na Rede Socioassistencial.

É realizada a acolhida, atendimento, entrevista social, e escuta qualificada.  A partir disto são realizados os encaminhamentos necessários, tanto externos como para os demais profissionais da equipe multidisciplinar, são realizadas também orientações, visitas domiciliares e acompanhamento das famílias.

O trabalho realizado pelo setor de serviço social tem como principal objetivo intervir no aspecto familiar, social e cultural da pessoa com deficiência, melhorando suas condições de vida, bem como envolvendo seus familiares no trabalho educativo desenvolvido com os alunos, entendendo que o usuário não é um ser dissociado da família ou comunidade.

A APAE - Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Maracaju-MS tem por finalidade oferecer a Educação Básica nas etapas de Educação Infantil e dos Anos Iniciais de Ensino Fundamental na Modalidade de Educação Especial, visando o desenvolvimento de suas potencialidades, valorização, preparação para o trabalho, exercício de sua cidadania e garantia do acesso aos benefícios de programas sociais

A ação do Serviço Social possibilita o empoderamento das famílias e usuários através de atendimentos socioeducativos e autodefensoria. É papel fundamental do assistente social conscientizar as famílias e a sociedade que a pessoa com deficiência intelectual tem direitos e deveres como todo cidadão brasileiro.

As intervenções realizadas pela a assistente social são em sua grande maioria de caráter educativo e prático, buscando desenvolver um processo constante de assistência, além disso, existem muitas casos de negligência familiar e evasão, tomando as providências cabíveis, de acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente e de acordo com a lei nº 7.853 de 24 de outubro de 1989 que condiz aos Direitos da Pessoa com Deficiência onde relata através do Artigo 2: 

Ao Poder Público e seus órgãos cabe assegurar às pessoas portadoras de deficiência o pleno exercício de seus direitos básicos, inclusive dos direitos à educação, à saúde, ao trabalho, ao lazer, à previdência social, ao amparo à infância e à maternidade, e de outros que, decorrentes da Constituição e das leis, propiciem seu bem-estar pessoal, social e econômico.

Nem sempre as famílias desejam as mudanças orientadas por nós, em muitos casos, sua situação de dependência das instituições se constitui em um equilíbrio patológico já assumido, no entanto, como trabalhadores sociais devemos assegurar-lhes que, todos os membros daquela família são aptos e capazes de fazer suas próprias escolhas e de encontrar novas e diferentes formas de auto-organização, renovação e emancipação para fazer suas próprias histórias de vida.

Elis Marina Barbosa

Assistente Social

Cress 2964/21

Maracaju em Foco

O site de notícias que mais cresce em Maracaju!


Array ( [Novidade] => Array ( [id] => 33213 [user_id] => 23 [titulo] => Assistente Social Elis Marina: O Papel do Assistente Social na APAE - Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais. [texto] =>

A atuação do Assistente Social na APAE de Maracaju-MS está voltado ao atendimento às pessoas com deficiência intelectual e múltipla e suas famílias, com abordagem nas áreas da Assistência Social, Educação e Saúde; a fim de contribuir para o acesso aos programas, projetos e demais políticas públicas existentes na Rede Socioassistencial.

É realizada a acolhida, atendimento, entrevista social, e escuta qualificada.  A partir disto são realizados os encaminhamentos necessários, tanto externos como para os demais profissionais da equipe multidisciplinar, são realizadas também orientações, visitas domiciliares e acompanhamento das famílias.

O trabalho realizado pelo setor de serviço social tem como principal objetivo intervir no aspecto familiar, social e cultural da pessoa com deficiência, melhorando suas condições de vida, bem como envolvendo seus familiares no trabalho educativo desenvolvido com os alunos, entendendo que o usuário não é um ser dissociado da família ou comunidade.

A APAE - Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Maracaju-MS tem por finalidade oferecer a Educação Básica nas etapas de Educação Infantil e dos Anos Iniciais de Ensino Fundamental na Modalidade de Educação Especial, visando o desenvolvimento de suas potencialidades, valorização, preparação para o trabalho, exercício de sua cidadania e garantia do acesso aos benefícios de programas sociais

A ação do Serviço Social possibilita o empoderamento das famílias e usuários através de atendimentos socioeducativos e autodefensoria. É papel fundamental do assistente social conscientizar as famílias e a sociedade que a pessoa com deficiência intelectual tem direitos e deveres como todo cidadão brasileiro.

As intervenções realizadas pela a assistente social são em sua grande maioria de caráter educativo e prático, buscando desenvolver um processo constante de assistência, além disso, existem muitas casos de negligência familiar e evasão, tomando as providências cabíveis, de acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente e de acordo com a lei nº 7.853 de 24 de outubro de 1989 que condiz aos Direitos da Pessoa com Deficiência onde relata através do Artigo 2: 

Ao Poder Público e seus órgãos cabe assegurar às pessoas portadoras de deficiência o pleno exercício de seus direitos básicos, inclusive dos direitos à educação, à saúde, ao trabalho, ao lazer, à previdência social, ao amparo à infância e à maternidade, e de outros que, decorrentes da Constituição e das leis, propiciem seu bem-estar pessoal, social e econômico.

Nem sempre as famílias desejam as mudanças orientadas por nós, em muitos casos, sua situação de dependência das instituições se constitui em um equilíbrio patológico já assumido, no entanto, como trabalhadores sociais devemos assegurar-lhes que, todos os membros daquela família são aptos e capazes de fazer suas próprias escolhas e de encontrar novas e diferentes formas de auto-organização, renovação e emancipação para fazer suas próprias histórias de vida.

Elis Marina Barbosa

Assistente Social

Cress 2964/21

Maracaju em Foco

O site de notícias que mais cresce em Maracaju!

[imagem] => a887a2b2dc2fc710ddd834f79b62b712.jpg [url] => assistente-social-elis-marina-o-papel-do-assistente-social-na-apae-associacao-de-pais-e-amigos-dos-excepcionais [visualizacoes] => 2900 [created] => 31 de May de 2019 - 04:52 [destaque] => [scroll] => 1 [categoria_id] => 9 ) [User] => Array ( [id] => 23 [fullname] => Ben Hur Salomão Teixeira [active] => 1 [role] => adm ) [Categoria] => Array ( [id] => 9 [nome] => Colunista em Foco [url] => colunista-em-foco [prioridade] => 1 ) [Noticiagaleria] => Array ( ) [Video] => Array ( ) ) 1
Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio