Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio
Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio

Vereador Joãozinho critica politicagem em cima de pandemia e afirma que momento deve ser de união do Poder Público, comércio e principalmente apoio da população.

16 de June de 2021 - 20:39 | Câmara Municipal

Maracaju em Foco - Notícias - Vereador Joãozinho critica politicagem em cima de pandemia e afirma que momento deve ser de união do Poder Público, comércio e principalmente apoio da população.

Segundo João, único inimigo a ser combatido é o vírus e ninguém quer fechar o comércio, mas precisa de ações que evitem aglomerações e busquem conscientizar a população.

Redação

Na noite desta terça-feira 15-06 ocorreu mais uma Sessão da Câmara onde o Vereador Joãozinho Rocha (MDB) apresentou seus pedidos, indicações e comentou alguns assuntos importantes e de interesse da população.

Confira o trabalho do seu vereador aqui no “Maracaju em Foco”.

Questão da essencialidade de determinados comércios

Logo na abertura de sua fala, Joãozinho Rocha solicitou que seja feito um estudo para que restaurantes e similares sejam considerados essenciais, autorizando assim o seu funcionamento, dentro dos parâmetros de biossegurança, mesmo em bandeira cinza.

Não criticando decretos e nem leis, mas observamos muitos segmentos tornando-se essenciais, contando com apadrinhamento político e isso, infelizmente, tem surgido nessa pandemia. Não estou dizendo que está errado, mas comparando, não sou contra academias e igrejas serem essenciais, mas tornaram-se essenciais de forma tão rápida e como comparar qual segmento é essencial ou não?” indagou o Vereador.

O parlamentar exemplificou e comparou ainda quanto a essencialidade de academias e a suspensão de práticas esportivas, inclusive vôlei que não conta com contato direto, ambas são práticas físicas, por isso, ambas deveriam ser essenciais, mas não são. A reflexão do parlamentar visa não culpar governos, mas pede que a Câmara Municipal se levante, pedindo que outros segmentos importantes se tornem essenciais e sejam encontradas soluções para todos trabalharem.

Ainda neste tema, Joãozinho afirmou que segmentos que conquistaram a tão desejada “essencialidade”, atualmente pouco colaboram com os outros ramos que ainda não a possuem e estão atualmente fechados por determinação de decreto.

Pandemia do COVID-19

Joãozinho Rocha também pediu coerência dos vereadores quanto a posicionamento de decretos, salientando que no ano passado muitos que eram contra os decretos emitidos pelo então Prefeito Dr. Maurílio, atualmente são favoráveis ao Decreto do atual Prefeito Marcos Calderan, bem como muitos favoráveis ao Decreto do então Prefeito Maurílio Azambuja, são atualmente contrários aos Decretos emitidos pelo Prefeito Marcos Calderan.

Quando o Dr. Maurílio Azambuja foi aos meios de comunicação e disse que mais de 100 pessoas morreriam por essa doença, passaram-se cinco meses e ninguém havia morrido, ele foi motivo de críticas e chacotas, atualmente temos 85 óbitos, 85 vidas perdidas que incluem familiares e amigos, fora isso, temos maracajuenses em Rondônia e São Paulo sem saber se voltam.” Explicou Joãozinho.

O vereador destacou que de fato o comércio não é culpado, bem como nunca foi, mas qual a solução para isso? Joãozinho reafirmou que poucas pessoas trazem soluções, por isso, pediu que principalmente as pessoas colaborem, já que faltam pouco menos de 10 dias para o término, evitando festas e reuniões em casa, contato físico próximo, ampliação dos cuidados com máscara, álcool em gel e distanciamento social.

Nenhuma autoridade tem experiência em lidar com pandemia e podem ter certeza que todos estão tomando atitudes e até errando, mas com vontade de acertar.” Afirmou João.

Por fim, João ressaltou que recebeu a ligação não do patrão, mas de uma funcionária que estava feliz por ter conseguido um emprego em um restaurante e pouco depois já foi dispensada, devido ao fechamento do mesmo, segundo o vereador, isso que de fato deve ser demonstrado ao Ministério Público e outras autoridades acima da Prefeitura, visando justamente trazer um equilíbrio a situação.

FARMÁCIA DE PLANTÃO: Confira aqui no "Maracaju em Foco" o calendário das Farmácias de Plantão, vá direto ao link a selecione o mês desejado, clique aqui.

VÍDEOS EM FOCO: Assista nossas principais reportagens em vídeo, mesmo não estando no Facebook, clique aqui.

Maracaju em Foco

A notícia em primeiro lugar!

Curta nossa página: https://www.facebook.com/mjuemfoco/

Siga-nos no Instagram: https://instagram.com/maracajuemfoco


Array ( [Novidade] => Array ( [id] => 47564 [user_id] => 23 [titulo] => Vereador Joãozinho critica politicagem em cima de pandemia e afirma que momento deve ser de união do Poder Público, comércio e principalmente apoio da população. [texto] =>

Segundo João, único inimigo a ser combatido é o vírus e ninguém quer fechar o comércio, mas precisa de ações que evitem aglomerações e busquem conscientizar a população.

Redação

Na noite desta terça-feira 15-06 ocorreu mais uma Sessão da Câmara onde o Vereador Joãozinho Rocha (MDB) apresentou seus pedidos, indicações e comentou alguns assuntos importantes e de interesse da população.

Confira o trabalho do seu vereador aqui no “Maracaju em Foco”.

Questão da essencialidade de determinados comércios

Logo na abertura de sua fala, Joãozinho Rocha solicitou que seja feito um estudo para que restaurantes e similares sejam considerados essenciais, autorizando assim o seu funcionamento, dentro dos parâmetros de biossegurança, mesmo em bandeira cinza.

Não criticando decretos e nem leis, mas observamos muitos segmentos tornando-se essenciais, contando com apadrinhamento político e isso, infelizmente, tem surgido nessa pandemia. Não estou dizendo que está errado, mas comparando, não sou contra academias e igrejas serem essenciais, mas tornaram-se essenciais de forma tão rápida e como comparar qual segmento é essencial ou não?” indagou o Vereador.

O parlamentar exemplificou e comparou ainda quanto a essencialidade de academias e a suspensão de práticas esportivas, inclusive vôlei que não conta com contato direto, ambas são práticas físicas, por isso, ambas deveriam ser essenciais, mas não são. A reflexão do parlamentar visa não culpar governos, mas pede que a Câmara Municipal se levante, pedindo que outros segmentos importantes se tornem essenciais e sejam encontradas soluções para todos trabalharem.

Ainda neste tema, Joãozinho afirmou que segmentos que conquistaram a tão desejada “essencialidade”, atualmente pouco colaboram com os outros ramos que ainda não a possuem e estão atualmente fechados por determinação de decreto.

Pandemia do COVID-19

Joãozinho Rocha também pediu coerência dos vereadores quanto a posicionamento de decretos, salientando que no ano passado muitos que eram contra os decretos emitidos pelo então Prefeito Dr. Maurílio, atualmente são favoráveis ao Decreto do atual Prefeito Marcos Calderan, bem como muitos favoráveis ao Decreto do então Prefeito Maurílio Azambuja, são atualmente contrários aos Decretos emitidos pelo Prefeito Marcos Calderan.

Quando o Dr. Maurílio Azambuja foi aos meios de comunicação e disse que mais de 100 pessoas morreriam por essa doença, passaram-se cinco meses e ninguém havia morrido, ele foi motivo de críticas e chacotas, atualmente temos 85 óbitos, 85 vidas perdidas que incluem familiares e amigos, fora isso, temos maracajuenses em Rondônia e São Paulo sem saber se voltam.” Explicou Joãozinho.

O vereador destacou que de fato o comércio não é culpado, bem como nunca foi, mas qual a solução para isso? Joãozinho reafirmou que poucas pessoas trazem soluções, por isso, pediu que principalmente as pessoas colaborem, já que faltam pouco menos de 10 dias para o término, evitando festas e reuniões em casa, contato físico próximo, ampliação dos cuidados com máscara, álcool em gel e distanciamento social.

Nenhuma autoridade tem experiência em lidar com pandemia e podem ter certeza que todos estão tomando atitudes e até errando, mas com vontade de acertar.” Afirmou João.

Por fim, João ressaltou que recebeu a ligação não do patrão, mas de uma funcionária que estava feliz por ter conseguido um emprego em um restaurante e pouco depois já foi dispensada, devido ao fechamento do mesmo, segundo o vereador, isso que de fato deve ser demonstrado ao Ministério Público e outras autoridades acima da Prefeitura, visando justamente trazer um equilíbrio a situação.

FARMÁCIA DE PLANTÃO: Confira aqui no "Maracaju em Foco" o calendário das Farmácias de Plantão, vá direto ao link a selecione o mês desejado, clique aqui.

VÍDEOS EM FOCO: Assista nossas principais reportagens em vídeo, mesmo não estando no Facebook, clique aqui.

Maracaju em Foco

A notícia em primeiro lugar!

Curta nossa página: https://www.facebook.com/mjuemfoco/

Siga-nos no Instagram: https://instagram.com/maracajuemfoco

[imagem] => 1ee95974721d199fc127286f162f182d.jpg [url] => vereador-joaozinho-critica-politicagem-em-cima-de-pandemia-e-afirma-que-momento-deve-ser-de-uniao-do-poder-publico-comercio-e-principalmente-apoio-da [visualizacoes] => 100 [created] => 16 de June de 2021 - 20:39 [destaque] => [scroll] => 1 [categoria_id] => 17 ) [User] => Array ( [id] => 23 [fullname] => Ben Hur Salomão Teixeira [active] => 1 [role] => adm ) [Categoria] => Array ( [id] => 17 [nome] => Câmara Municipal [url] => camara-municipal [prioridade] => 2 ) [Noticiagaleria] => Array ( ) [Video] => Array ( ) ) 1
Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio Maracaju em Foco - Notícias - Anúncio